domingo, novembro 15, 2009

Geisy Já Encheu

Absurdos de Uma Época - Parte I

Como tudo o que a mídia cria, estufa, devora e mais tarde destrói, a situação da Geisy, a aluna absolutamente sem graça da Uniban, vai ficar ainda sendo requentada nos canais de notícias.
Já nem tanto em primeira página, mas certamente nas internas e nas mídias que suportam mais tempo uma notícia só.
Basta lembrarmos de Susan Boyle.
Foram dois meses de exposição.
Agora a imagem dessa guria vai ficar torrando a nossa paciência por quanto tempo mais ?

Que os alunos exageraram na manifestação e mereciam ser punidos me parece óbvio.
Que a Uniban se atrapalhou expulsando a aluna pra logo depois, e sem um argumento convincente, reformar sua própria decisão, que já era esquisitíssima, também não resta dúvida.

Até o programa Altas Horas levou Geisy para falar do caso.
Surpreendeu-me que a maioria da platéia de infantes claramente não aprovou nem a atitude dos alunos nem tampouco a postura da Geisy.

Sinceramente eu espero que esse assunto esteja sepultado e que a partir dessa semana a mídia mude o foco, pois esse já encheu o saco.
Até parece mais relevante do que o apagão.

Nos lugares onde eu estudei, e onde meus filhos estudam, esse fato nunca teria acontecido.
Por duas razões claríssimas:
a) uma que aluno que xingar qualquer pessoa dentro dos limites da instituição é punido automaticamente com suspensão de 7 dias. Se for reincidente leva 15 dias. Na terceira vez o risco de ser expulso é tão grande que não vale arriscar.
b) outra que uma aluna com uma roupa de festa não passaria nem na porta principal da instituição. Logo... não haveria o tumulto que se seguiu.

Disse a Geisy que "as pessoas devem poder vestir o que quiserem para ir onde quiserem".
Quero saber se ela vai a um casamento de biquini, ou se vai à praia de tailleur.
.

9 Canetadas:

domingo, novembro 15, 2009 11:18:00 PM, Blogger Bela disse...

Concordo contigo, se a instituição fosse séria nada disso teria acontecido: ela não passaria da porta e, caso passasse, os alunos que causaram o tumulto é que seriam expulsos.
Abraços moço ;)

 
segunda-feira, novembro 16, 2009 8:23:00 AM, Blogger Dama de Cinzas disse...

Nossa! Esse assunto realmente está esgotando a paciência. Tanto alarde pra tão pouca coisa... Affe!

Beijocas

 
segunda-feira, novembro 16, 2009 9:07:00 AM, Blogger Bela disse...

Ah, obrigada pelo parabéns e por sua visita, sempre bem-vinda.
Abraços ;)

 
terça-feira, novembro 17, 2009 2:27:00 AM, Blogger Mônica disse...

Realmente, as pessoas deviam ter senso na hora de se vestir para escola/faculdade. Infelizmente, o Brasil é terra de ninguém: homem não pode entrar de berbuda em certos lugares, mas mulher pode entrar de minissaia, barriga e seis à mostra que não tem problema. Sinceramente, não sei porque a vestimenta dessa moça chamou tanta atenção.

Abs.

 
segunda-feira, novembro 23, 2009 5:27:00 PM, Blogger José Luiz disse...

Você acertou em cheio em suas ponderações sobre o caso Geisy. Faltou habilidade da faculdade, que perdeu uma grande oportunidade de ensinar; sobrou grosseria e intolerência por parte dos alunos; faltou bom senso por parte da aluna que acha que pode se vestir como chacrete numa instituição de ensino.
Quem sabe, as partes evoluam a partir deste episódio.
Valeu.

 
sábado, novembro 28, 2009 12:17:00 PM, Blogger Vladir Duarte disse...

Esse assunto realmente encheu... o pior de tudo é que a "estudante" acabou virando celebridade, como se não tivesse culpa nenhuma na situação. Queria muito saber o que realmente houve naquela noite, a história não foi contada toda não!

 
domingo, novembro 29, 2009 1:23:00 PM, Blogger Estava Perdida no Mar disse...

Ai, isso ja encheu mesmo. Uma história chata, banal, recheada de personagens loucos. Ninguém ali ta certo. Nem ela, nem a facul, nem os alunos. Beijos

 
terça-feira, dezembro 01, 2009 10:58:00 AM, Blogger  disse...

Somos dois que desejam imensamente que isto SUMA do foco da imprensa.

 
terça-feira, outubro 27, 2015 11:52:00 AM, Blogger Ana Pereira disse...

Boa tarde
Passei pelo teu cantinho para te dar a conhecer o meu modesto espaço de poesia.
Espero que gostes. Um abraço, Ana Pereira
http://almainspiradora.blogspot.pt/

 

Postar um comentário

<< Voltar para Página Principal